Minicursos

Segunda-feira (14h00 – 17h30):

Humanização da Assistência

Resumo: Apresentar, sensibilizar e vivenciar a assistência humanizada, através de: vivência de dor e métodos não farmacológicos, assistência humanizada ao parto e resolução de conflitos e vivência de empatia.

Modalidade: Teórico

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 30.

Docente Responsável: Elaine Christine Dantas Moises.

Monitores: Caio Antonio de Campos Prado.



Terça-feira (14h00 – 17h30):

Pesquisa em Pré-eclâmpsia

Resumo: Este curso visa demonstrar as técnicas laboratoriais da pesquisa em pré-eclâmpsia. Incluindo técnica de coleta, transporte, separação e armazenamento de material biológico, sangue total, soro e plasma. Seguido da extração de DNA e ELISA. O DNA genômico humano será extraído do sangue total. Os SNPs do gene MDR1, relacionados a alterações de função da P-gp, serão genotipados através do método de reação em cadeia da polimerase em tempo real, utilizando os ensaios de discriminação alélica TaqMan® (Applied Biosystems). A amplificação do PCR será realizada utilizando o equipamento ViiA7 (Applied Biosystems), e os resultados analisados com o programa TaqMan Genotyper Software.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 8 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 4.

Docente Responsável: Ricardo de Carvalho Cavalli.

Monitora: Stella Felipe de Freitas.


 Fertilização in vitro e vitrificação oocitária em modelo murino

Resumo: Através da imersão na área da reprodução humana, com ênfase na embriologia, o objetivo deste minicurso é propiciar aos alunos um primeiro contato com a manipulação de gametas, a fertilização in vitro e o desenvolvimento embrionário inicial. Os estudantes poderão observar a estrutura e morfologia de gametas e embriões, identificando possíveis alterações e anomalias intrínsecos ou decorrentes de processos invasivos. Além de realizar uma fertilização in vitro experimental.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 2.

Vagas disponíveis: 12.

Docente Responsável: Paula Andrea de Albuquerque Salles Navarro.

Monitoras: Caroline Mantovani da Luz, Larissa Koopman e Maria Aparecida Vasconcelos.


Qual o impacto da bioinformática para a ciência ?

Resumo: O objetivo desse minicurso é introduzir os conceitos básicos de programação em R e análise de dados biológicos em larga escala focado na aplicação da biologia computacional como ferramenta para compreender o câncer de mama, assim como, predizer biomarcadores que possam auxiliar no diagnóstico precoce.  Para isso serão utilizados como fonte de dados os bancos “O National Cancer Institute Genomic Data Commons (GDC)” e “National Center for Biotechnology Information (NCBI)”, que são bancos de dados que armazenam e compartilham dados genômicos e clínicos de pacientes com câncer. A importância de se entender as ferramentas de bioinformática disponíveis e suas aplicações pode facilitar na interpretação biológica de dados gerados por técnicas de alto rendimento como o sequenciamento de genomas e transcriptomas no câncer humano e desta forma interpretar os processos malignos e a relação entre os perfis genômicos e a resposta ao tratamento, além de permitir num futuro próximo exercer a medicina de precisão nestes casos de doenças complexas como o câncer.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 2.

Vagas disponíveis: 20.

Docente Responsável: Daniel Guimarães Tiezzi.

Monitora: Fabiana Oliveira Buono.

Pré-requisitos: O aluno deverá ter notebook pessoal, que suporte a instalação e uso do software RStudio


Análise seminal básica e preparo seminal para técnicas de fertilização in vitro

Resumo: A análise do seminal básica constitui-se na prática clínica, o principal exame para investigação da fertilidade masculina. O exame convencional inclui o estudo dos principais aspectos pertinentes à função espermática como: concentração, motilidade e morfologia, assim como, quantificação e identificação de células não espermáticas, como leucócitos, hemácias e debris. A capacitação espermática e preparo seminal para uso em técnicas de fertilização in vitro, engloba um conjunto de técnicas fundamentais com o intuito de separar os espermatozoides de outras células e do plasma seminal, afim de deixá-los ativos e capazes para o processo de fertilização. As atividades práticas deste minicurso incluem a análise seminal (macro e microscópica) e o processamento seminal, através das técnicas de Sperm Wash, Swim Up e gradiente descontínuo.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 2.

Vagas disponíveis: 20.

Docente Responsável: Rosana Maria dos Reis.

Monitores: Murilo Racy Soares, Letícia Breda e Marília Alves



Quarta-feira (14h00 – 17h30):

Qual o impacto da bioinformática para a ciência ?

Resumo: O objetivo desse minicurso é introduzir os conceitos básicos de programação em R e análise de dados biológicos em larga escala focado na aplicação da biologia computacional como ferramenta para compreender o câncer de mama, assim como, predizer biomarcadores que possam auxiliar no diagnóstico precoce.  Para isso serão utilizados como fonte de dados os bancos “O National Cancer Institute Genomic Data Commons (GDC)” e “National Center for Biotechnology Information (NCBI)”, que são bancos de dados que armazenam e compartilham dados genômicos e clínicos de pacientes com câncer. A importância de se entender as ferramentas de bioinformática disponíveis e suas aplicações pode facilitar na interpretação biológica de dados gerados por técnicas de alto rendimento como o sequenciamento de genomas e transcriptomas no câncer humano e desta forma interpretar os processos malignos e a relação entre os perfis genômicos e a resposta ao tratamento, além de permitir num futuro próximo exercer a medicina de precisão nestes casos de doenças complexas como o câncer.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 2.

Vagas disponíveis: 20.

Docente Responsável: Daniel Guimarães Tiezzi.

Monitora: Fabiana Oliveira Buono.

Pré-requisitos: O aluno deverá ter notebook pessoal, que suporte a instalação e uso do software RStudio


Análise seminal básica e preparo seminal para técnicas de fertilização in vitro

Resumo: A análise do seminal básica constitui-se na prática clínica, o principal exame para investigação da fertilidade masculina. O exame convencional inclui o estudo dos principais aspectos pertinentes à função espermática como: concentração, motilidade e morfologia, assim como, quantificação e identificação de células não espermáticas, como leucócitos, hemácias e debris. A capacitação espermática e preparo seminal para uso em técnicas de fertilização in vitro, engloba um conjunto de técnicas fundamentais com o intuito de separar os espermatozoides de outras células e do plasma seminal, afim de deixá-los ativos e capazes para o processo de fertilização. As atividades práticas deste minicurso incluem a análise seminal (macro e microscópica) e o processamento seminal, através das técnicas de Sperm Wash, Swim Up e gradiente descontínuo.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 2.

Vagas disponíveis: 20.

Docente Responsável: Rosana Maria dos Reis.

Monitores: Murilo Racy Soares, Letícia Breda e Marília Alves


Aplicações da PCR quantitativa: desvendando mecanismos moleculares na endometriose

Resumo:Introdução às aplicações do PCR em tempo real em uma visão translacional da pesquisa usando células tronco mesenquimais em endometriose. Aspectos teóricos do PCR em tempo real e aplicações na endometriose. Prática da extração de RNA; Quantificação de ácidos nucleicos; Síntese de cDNA com poliT e primers randômicos; amplificação de transcritos por PCR em tempo real; análise da quantificação da expressão relativa.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 8 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 4.

Docente Responsável: Juliana Meola Lovato.

Monitores: Cristiana Padovan e Ana Clara Cressoni


 Fertilização in vitro e vitrificação oocitária em modelo murino

Resumo: Através da imersão na área da reprodução humana, com ênfase na embriologia, o objetivo deste minicurso é propiciar aos alunos um primeiro contato com a manipulação de gametas, a fertilização in vitro e o desenvolvimento embrionário inicial. Os estudantes poderão observar a estrutura e morfologia de gametas e embriões, identificando possíveis alterações e anomalias intrínsecos ou decorrentes de processos invasivos. Além de realizar uma fertilização in vitro experimental.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 2.

Vagas disponíveis: 12.

Docente Responsável: Paula Andrea de Albuquerque Salles Navarro.

Monitoras: Caroline Mantovani da Luz, Larissa Koopman e Maria Aparecida Vasconcelos.



Quinta-feira (14h00 – 17h30):

Pesquisa em Pré-eclâmpsia

Resumo: Este curso visa demonstrar as técnicas laboratoriais da pesquisa em pré-eclâmpsia. Incluindo técnica de coleta, transporte, separação e armazenamento de material biológico, sangue total, soro e plasma. Seguido da extração de DNA e ELISA. O DNA genômico humano será extraído do sangue total. Os SNPs do gene MDR1, relacionados a alterações de função da P-gp, serão genotipados através do método de reação em cadeia da polimerase em tempo real, utilizando os ensaios de discriminação alélica TaqMan® (Applied Biosystems). A amplificação do PCR será realizada utilizando o equipamento ViiA7 (Applied Biosystems), e os resultados analisados com o programa TaqMan Genotyper Software.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 8 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 4.

Docente Responsável: Ricardo de Carvalho Cavalli.

Monitora: Stella Felipe de Freitas.


Modelo experimental de endometriose em camundongos

Resumo: O objetivo do minicurso é divulgar o modelo experimental de endometriose. Através de uma atividade prática os alunos poderão desenvolver o modelo experimental animal da endometriose.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 6.

Docente Responsável: Júlio César Rosa e Silva.

Monitora: Nathalia Franzoni Smargiassi.


Caixa de ferramentas básica para gerenciamento de dados em pesquisa

Resumo: Apresentar uma proposta para gerenciamento de diretórios (pastas) de projetos de pesquisa para criar um banco de dados robusto, e apresentar os princípios para uma análise exploratória adequada de dados. Além de fornecer dicas de como gerenciar seus diretórios e arquivos; Princípios da criação de um banco de dados (plataforma REDCap); Princípios de uma análise exploratória adequada dos seus dados (software R).

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 10.

Docente Responsável: Omero Benedicto Poli Neto.

Pré-requisitos: O aluno deverá ter notebook pessoal, que suporte a instalação e uso do software RStudio.


Aplicações da PCR quantitativa: desvendando mecanismos moleculares na endometriose

Resumo:Introdução às aplicações do PCR em tempo real em uma visão translacional da pesquisa usando células tronco mesenquimais em endometriose. Aspectos teóricos do PCR em tempo real e aplicações na endometriose. Prática da extração de RNA; Quantificação de ácidos nucleicos; Síntese de cDNA com poliT e primers randômicos; amplificação de transcritos por PCR em tempo real; análise da quantificação da expressão relativa.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 8 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 4.

Docente Responsável: Juliana Meola Lovato.

Monitores: Cristiana Padovan e Ana Clara Cressoni.


Hands-on em criopreservação de tecido ovariano

Resumo: O objetivo deste minicurso é abordar os procedimentos envolvidos no congelamento de gametas femininos (sejam oócitos ou tecido ovariano). Os alunos terão a oportunidade de realizar uma prática “hands on” nas técnicas de criopreservação de tecido ovariano e o cultivo do mesmo após o aquecimento.

Modalidade: Teórico-prático.

Carga horária: 4 horas.

Turmas oferecidas: 1.

Vagas disponíveis: 6.

Docente Responsável: Ana Carolina Japur de Sá Rosa e Silva.

Monitora: Deize de Cássia Antonino